sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

A resposta para a vida, o universo e tudo mais

Capítulo 42 do Tao Te Ching de Lao Tse, a base do Taoísmo

"O Tao gera o um
O um gera o dois
O dois gera o três
O três gera as dez-mil-coisas.

As dez-mil-coisas tem atrás de si escuridão
A sua frente elas abraçam a luz
E o vazio lhes dá a harmonia.

O que os homens mais detestam
É serem orfãos, viúvos ou sem méritos
Títulos de reis e príncipes.

Portanto:
As coisas se perdem quando se ganham
E se ganham quando se perdem.

Eu também ensino conforme a tradição dos homens:
Os violentos não alcançam morte natural
Isto eu considero o fundamento do ensino."

O famoso número 42 em o "guia do mochileiro das galáxias" seria uma referência?
Confesso que me deixou com uma pulga atrás da orelha

Frase do Dia:

"Vem pra cá tchutchuca linda
os muleque são dengoso"

Malha Funk

domingo, 12 de dezembro de 2010

Ecoterrorismo: pega um , pega geral, também vai pegar você.

Você, "amigo do meio ambiente", com seu carro híbrido e sua sacola de papel, já parou pra pensar que daqui há 50 anos, onde provavelmente conseguiremos sim atingir todas as metas de redução no consumo de carbono, existe uma grande (GRANDE mesmo) possibilidade de a Terra não dar a mínima e continuar esquentando?

Ou será que foi culpa dos terríveis seres humanos, com seus poucos bilhões de espécimes, número irrisório quando comparado com a biosfera, que a terra congelou há uns anos atrás, como camadas de H20 sólidas de 1 km e nivel do mar mais de 100 metros mais baixo. Fico pensando se já tívessemos uma sociedade estruturada nessa época se arranjariam uma maneira de colocar essa culpa também nas costas do homo sapiens.

O que me leva a pensar também que interessante é o fato de que a Terra vem esquentando desde essa época, e que nos últimos anos a temperatura vem se mantendo estável, até diminuindo em alguns momentos. Claro que um processo de 10 mil anos con certeza decorre única e escluvivamente dos últimos 400 anos. Faz todo o sentido.

Alguém já parou pra pensar que antigamente (pergunte pro seu avô) as sacolas do supermercado eram de papel e foram substituídas por sacolas de plástico, muito mais cara. Agora, você manja o preço de uma sacola de plástico (irrisório) agora imagine a sacola de papel que você PAGA para usar hoje em dia, só para ser ecologicamente correto. Ou seja, a empresa deixa de fornecer um material mais caro de graça e você, ecofriendly, paga para ela te fornecer um mais barato. Quer um negócio melhor que esse?

Ou então colocar a culpa nos carros pelo fim dos tempos em 2012, quando eles não chegam nem perto do dano causado por exemplo pela pecuária, principalmente a bovina. Mas você vê alguma propaganda na televisão sobre isso? Existe o dia mundial sem carne? Qual é a atividade econômica do Sumo sacerdote do alarmismo mesmo?

Claro que não sou a favor do vegetarianismo, seria até irresponsável alguém na minha posição apoiar essa prática, mas quem quiser viver privado de B12 (Seres humanos não produzem essa vitamina pelo amor de Deus, e as bactérias que as produzem estão no intestino grosso e se você fizer um imenso esforço para se lembrar das aulas de ensino médio se lembrará que essa vitamina não é captada lá) e comendo 10kg de proteína vegetal por dia (o corpo humano tem dificuldade em captar esse tipo de proteína) seja feliz, mas acho que seria realmente interessante que as pessoas diminuíssem o consumo de carne vermelha.

E PELO AMOR DE DEUS, O SER HUMANO NÃO É HERBÍVORO! Poxa, vir com esse argumento pra cima de adolescentes altamente influenciáveis é uma coisa, outra é tentar convencer um Médico ou Biólogo ou qualquer pessoa que se interesse em pesquisar sobre isso. Acredita que tem gente que vem me falar que o ser humano absolve o "espírito animal" comendo carne? Até porque o ser humano é um prtozoário, né criatura? Pensando bem, talvez ele fosse.

Mas Gustavo, as geleiras estão derretendo, os nível do mar está subindo, a neve no topo dos montes está derretendo... Claro que estão, em um processo interessante que dura milhares de anos, muito antes dos seres humanos descobrirem o motor a combustão. E até hoje não temos nenhum estudo que comprove a relação carbono do homem X fim do planeta terra.

Frase do Dia:

"Mas é só colocar uma foto de um urso polar em um bloco de gelo que o povo esquece seu post"

Eu para mim mesmo.

domingo, 14 de novembro de 2010

Uma lição para o Dick Vigarista

Uns anos atrás, quando o Fazedor de Sapatos dominava a F1 com todo tipo de artimanha e safadagem, eu pensava se ninguém teria a coragem de bater de frente com o verdadeiro Dick Vigarista da categoria, que sempre usava as mesmas artimanhas de seu alter ego dos desenhos animados.

Como jogar o carro em cima dos adversários, DUAS VEZES, em duas disputas de campeonato, sendo uma humilhante pelo fato do champion super mercados ter conseguido quebrar o próprio carro mas não o do adversário, vendo o Villeneuve ser campeão. Sem contar claro, o bom e velho clássico de ordenar que o companheiro de equipe lhê dê o primeiro lugar em corridas decisivas de meio de campeonato.


Mas Comentador, ele precisava dessas atitudes para poder se firmar como piloto! Mas o que dizer então da manobra vergonhosa desse ano? Ou a em cima do Masssa? Poxa, o cara joga sujo até no desafio das estrelas, um evento beneficente organizado pelos pilotos todo final de ano.

Aliás, esse ano serviu para enfraquecer ainda mais o mito do fazedor de sapatos e dar força a teoria de que ele ganhou muito de seus títulos em virtude de ter um carro muito melhor que os demais, algo que já estava em voga no momento em que surgiu o Dick Vigarista Jr., Um tal de Fernando Alonso. Esse que é ainda pior, por que ele nunca é punido pelas besteiras que faz.

E não estou falando da infração desse ano, do Massa supostamente cedendo a posição, estou falando de coisas piores dos seus tempos de Renault e até algumas do tempo de Ferrari e McLaren. Sério o cara já ultrapassou nos boxes, já parou na frente de outro carro para atrapalhar seu pitstop, DUAS VEZES, já participou de manipulação de resultados, inclusive naquele episódio do Piquet.

Sem contar a choradeira por tudo, mimimi, não consigo ultrapassar o Hamilton, mimimi, não consigo ultrapassar o Massa e quando não é atendido pela equipe procura outra pra servir de capacho. Mas o episódio mais ridículo foi hoje: Ele estava disputando posição com o Petrov, de uma equipe adversária!!! e depois da corrida foi tirar satisfação com seu ADVERSÁRIO, COM QUEM ESTAVA DISPUTANDO POSIÇÃO, PORQUE ELE NÃO TINHA DEIXADO O ALONSO PASSAR.

O CARA ERA DE OUTRA EQUIPE! ESTAVA DISPUTANDO POSIÇÃO! E ELE RECLAMOU PORQUE O ADVERSÁRIO NÃO DEIXOU ELE PASSAR!


Puta que pariu, dá pra ser mais narcisista que isso? Ainda bem que o Vettel ganhou, mas o melhor era que o Webber tivesse ganhado.

Frase do Dia

"Petrov está mais rápido que você Alonso, você confirma que entendeu essa mensagem?"

Anônimo.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Tiro de misericórdia no ninho do tucano

O PSDB morreu. Não agora com a derrota do Regional Serra mais uma vez, que já era pedra cantada. O PSDB morreu quando desistiu de ser oposição, talvez até por não ter muita prática, afinal o brasil esteve na mão de governos de "direita" desde 1500 e só passou pra governos de "centro" há oito anos atrás.

Morreu quando não entendeu que as velhas alianças com o DEMO não são mais suficientes e são até mesmo prejudiciais. Morreu com o governo Fernando Henrique Cardoso que foi um governo excelente, mas não pro brasileiro comum, o brasileiro assalariado, o brasileiro dono de pequena empresa. Basta alguns segundos para um bom entendedor perceber pra quem é vantagem ter uma relação dólar-real 1:1 por exemplo. E não é para o produtor interno e pro dono de pequenas empresas.

Mas pra mim os partidos dominantes até então morreram por um simples motivo: O declínio quase que simultâneo da imprensa escrita e dos telejornais, quem em grande parte sempre gostaram de defender seus interesses, formentando um preconceito que até hoje é a miséria da classe média no Brasil. A classe média que lê Veja e assiste Globo e considera-se superior e ultra bem informada. Veja bem, não estou dizendo que esses dois meios sejam meios horríveis de comunicação que não tenham nenhum valor, mas que, como todos n´so apredemos pelo senso comum, nunca é bom confiar em uma única fonte.

Muitos virão falar: vai ler caros amigos então. Eu responderia, pelo menos eles deixam bem claro que são tendenciosos para a esquerda. Eu pessoalmente acho complicado que depois de Beyond Citizen Kane (produzido pela BBC, já que meu pai adora falar que tudo que é contra a mídia dominante é coisa de blog de internet) e depois de uma análise criterioso do famoso episódio da Globo com relação ao aniversário de São Paulo (Também conhecido como Diretas Já pro resto do Brasil fora da emissora) alguém ainda leve muito a sério o que vem daquele lugar, mas fazer o que.

Já com relação a revista o negócio é um pouco mais complicado. As pérolas não são em episódios específicos, mas semanais, já que ela sequer tenta se vestir de neutra. Isso resulta em episódios cômicos como responder a uma charge de um jornal do interior do Rio Grande do Sul que criticava o fato de ela só criticar o Presidente Lula, ou no fato de afirmar que o MST apoiava o desarmamento para poder invadir terra com mais facilidade, ou então que o Governo federal não devia apoiar escritor coisíssima nenhuma, deviam é investir na economia. Enfim, nem precisei comentar a figura mais polêmica da revista pra conseguir algumas pérolas.

Não me leve a mal, você pode votar em quem quiser. Inclusive conheço gente inteligente que vota nos dois lados, e estou sempre aberto a discutir posições políticas, inclusive "eu se divirto" com meu pai surtando toda vez que eu faço uma crítica ao PSDB. =p Mas se você estiver a fim de discutir política comigo, por favor evite usar clichês preconceituosos de classe média, do tipo ela é mulher, não tem experiência política (Só foi ministra né?), é apadrinhada, já que eu conheço mais duas dessas que nunca receberam a desconfiança de ninguém do Brasil, Margaret Thatcher e Angela Merkel. Venha com argumentos e de preferência corroborados por mais de uma fonte.

Por exemplo, discutiria tranquilamente as análise do The Economist e do Finacial Times comentando que o Serra seria melhor para o Brasil, e então nos discutiríamos por que eles acham isso. ^^

Frase do dia:

"Eu não sou viúva da ditadura, eu sou a ditadura"

Pretor Romano

domingo, 24 de outubro de 2010

Original VS Sequência Parte 3

Pra encerrar a série dos posts menos comentados da história, chegamos a derradeira discussão do mundo dos videogames: 2D ou 3d? Bem, faz já um tempinho em que vimos a mudança causada pela revolução 3D, causada principalmente pelo N64 em minha opinião.

Está certo que antes já tinhamos jogos em 3d, principalmente nos PC´s e PSX, mas a qeustão é, a esperiência 3D completa, pelo menos pra mim, ocorreu com a implantação da alavanca analógia de sensibilidade variável, ou seja, de nada adianta você ter um jogo 3D, se o controle que você tem sobre o jogo ainda é 2D.

De toda forma, não é para isso que o tópico de hoje serve. Estamos aqui para discutir a transição de séries famosas do mundo 2D para o mundo 3D, e para isso nada melhor do que utilizarmos algumas da séries mais icônicas da infância de quase todo mundo:

Mario Bros e Sonic the Hedgehog.

Eu escolhi essa séries pois além de terem sido verdadeiros ícones na era 16-bits (denominação incorreta, mas mais conhecida), seguiram caminhos bem diferentes no mundo tridimensional, sendo que uma permanece até hoje no hall dos grandes jogos de todos os tempos enquanto outra está em franco declínio.

Comecemos com a série Sonic

A série sonic foi talvez, empatada com Mario, a série mais conhecida dos anos 90, e em grande parte uma das responsáveis pelo fato de pessoas adultas hoje jogarem videogame, nessa época tinhamos adesivos colados nos quartos das pessoas, as revistas de detonados vendiam mais do que nunca, diria que foi a grande explosão demográfica dos jogadores de videogame.

E acredito que a série Sonic alcançou seu ápice em Sonic 3. Com gráficos incríveis pra época, músicas memoráveis, e fases com design impecável, ficou a lição de como fazer um excelente jogo em 2D. Além disso, algo interessante da série Sonic foi trazer ao invés de níveis de dificuldade para o jogo, os populares easy, normal and hard, ela trazia três personagens diferentes, onde para cada um a maneira de se passar de fase era diferente, e também a dificuldade para se passar delas.


Mas então veio o 3D, e Sonic não se saiu tão bem nessa mudança. Não me levem a mal, Sonic Adventure é um jogo incrível (por mais que eu ache que a interação com humanos não é a melhor das ideias), mas infelizmente não conseguiu carregar a magia Sonic para o novo mindo que ali se apresentava. Cabe lembrar que já existiam jogos 3D do Sonic antes, mas 95% dos gamers "hardcore" nunca jogaram eles.

Enfim, pra mim, o grande problema da transição para o mundo tridimensional é que boa parte de Sonic se baseia na velocidade absurda do personagem, mas plenamente controlável pelo jogador, o que é bem difícil de se trazer para um jogo mais moderno sem que a maioria dos jogadores caia 396 vezes em um precipício, de modo que a solução é tirar um pouco do controle dos jogadores e deixar o jogo um tanto mais automático por assim dizer. Os jogos de Wii tentaram corrigir esse problema, e por isso acabaram recebendo a aclamação da mídia. Quem sabe Sonic não esteja voltando aos seus dias de ouro.

Fiquem com as musiquinhas clásicas do jogo.


E vamos para a série Mario Bros.

Acho que depois de ver essa foto, a maioria das pessoas nem precisaria que eu contasse uma historinha aqui. Super Mario está no imaginário coletivo das pessoas mais novas (e das mais velhas que tinha que zerar os jogos pros filhos). Aliás, na minha opinião, se perguntassem quem é uma das pessoas mais influentes dessa geração, provavelmente Shigeru Miyamoto viria em minha mente. Quem é ele, só o criador de Zelda e de Mario.


Mas voltando ao assunto, Mario talvez seja o exemplo de melhor transição 2D para 3D da história, pois não só fez uma excelente transição da série, como também definiu como seria a jogabilidade dessa nova era. E aqui voltamos novamente a alavanca analógica, ninguém sabia para que servia nem se realmente teria alguma utilidade, até Super Mario ter sido lançado. A liberdade proporcioanda por esse novo sistema de controle era sem precedentes, e se tornaria o padrão da indústria dali pra frente.

Quer dizer, depois a Sony pesou ana solução de uma dupla alavanca analógica, uma para i personagem, outra para a câmera ( termo para a câmera virtual que filma o jogador enquanto ele joga, aliás, em Super Mario 64 ela deixa de ser virtual, em mais uma solução bem humorada do jogo.) que também foi adotada por outros videogames. O Dreamcast inverteu os analógicos e esse passou a ser o padrão usado até hoje.

Fiquem com as musiquinhas também clásicas desse jogo.


E já que ninguém está se sentindo com vontade de comentar, deixarei uma pergunta para tentar estimulá-los: Qual foi o jogo de videogame que mudou sua vida?

Frase do dia:

"Meu Mortal Kombat tem sangue!"

Típica discussão entre Seguistas e Nitendistas nos anos 90.

domingo, 3 de outubro de 2010

Original VS Sequência Parte 2

Bem, depois do sucesso estrondoso do último post, decidi continuar nesse assunto muito popular por que eu já prometi fazer mais dois posts, um sobre a mudança de gênero em games já consagrados, e um sobre a mudança de paradigma e como ela afeta jogos já consagrados, no caso da mudança de 2D para 3D.

Bem hoje, vamos falar de como a mudança de gênero afeta um jogo já consagrado e se é possível manter o mesmo nível de qualiddade mudanço completamente a abordagem do jogo. E para isso não existe exemplo melhor que a série Metroid. Essa série passou por uma mudança monumental durante sua transição da era 2D para a era 3D. Passou de um jogo de plataforma com elementos de shooter de Super Metroid (jogo para super nintendo que era de certa forma de estilo de jogo semelhante a série Contra ou até mesmo Metal Slug) para um FPS (ou FPA na denominação da nintendo).

Seria a mesma coisa de Michael Bay (diretor de Transformers) dizer que ia transformar a Trilogia das Cores (tem um post muito bom na trindade, depois a Polly passa o endereço nos comentários, ou não, já que ela anda ocupada pegando gatos =p) em um blockbuster hollywoodiano e de quebra fazer uma versão americana de Old Boy com o Will Smith no papel principal. E o mais incrível ainda, isso dar certo.

Bem, pra quem não conhece Super Metroid foi o ápice da série Metroid, que alcançou a perfeição nos movimentos chefes e inovações, e que se fosse lançado em uma época de internet popularizada, seria um dos jogos mais bem avaliado de todos os tempos. Para tentar entender como era o jogo, primeiro pense em Megaman, que acho que todo mundo conhece (faz parte dos jogos super populares, tiops Mario, Sonic, Bomberman, Top Gear, Chronno Trigger[até parece...]).

Agora imagine que o Megaman é uma mulher alta, que além de ter diversas armaduras e tipos de tiro diferentes, ainda lança mísseis, supermísseis, bombas, superbombas, se transforma em uma bola, pula de parede em parede, enfrenta chefes maiores que a tela e de quebra ainda tem que dar uma de mãe pra um ser alienígena. O nome dela: Metroid. NÃO! Dizer isso é a mesma coisa de chamar o Link de Zelda, que o Ryu é irmão do Ken e que a Lara Croft se chama Tomb Raider.

O nome da primeira heroína realmente popular dos videogames e que quebrou, junto com Lara Croft e Joanna Dark, o estereotipo de que protagonista de jogo só pode ser homem é Samus Aran. A História dela é bem clichê, orfã de seres humanos que foi criada por uma raça alienígena chamada Chozo que a salvou da morte. Pra quem tá curioso, Metroid é o nome de outra raça de alienígenas, só que esses são parasitas.

E Metroid se tornou tão especial porque trouxe coisas que hoje parecem banais para os jogadores de videogame mais novos. Chefes gigantescos que ocupavam mais que uma tela, cada um com métodos engenhoso para serem vencidos que não se resumia a atire primeiro, atire mais um pouco, atire mais uma vez e depois faça algumas perguntas. Além disso trazia uma variedade de armas até então não vista fora de jogos FPS, Cenários destrutíveis e que escondiam diversos segredos para dificultar a missão de conseguir 100% no jogo e várias outras coisas que se tornaram quase um padrão na indústria. Tudo isso é resumido na foto abaixo.

Além disso, pra quem não sabe, ao contrário do que a maioria pensa, o Wall jump (habilidade de pular de parede em parede, hoje presente em Tomb Raider, Super Mario, Prince of Persia e mais um monte de jogos) não é originária de Super Mario 64 ou de Shinobi/ Ninja Gaiden, e sim de Super Metroid.

Bem, como um jogo de tanta importância para a história dos videogames e que acabou pulando uma geração (pulou a geração Sony Playstation, Sega Saturn e Nintendo 64 para só voltar na geração Sony Playstation 2, Microsoft Xbox e Nintendo Gamecube), fica clara a responsabilidade que seria colocar a série na era 3D, e que todos esperavam um time de elite da Nintendo, ou no mínimo da Rare, no caso.

Qual não foi a surpresa quando a Nintendo anunciou que a Retro Studio, que era totalmente desconhecida até então, ia produzir o jogo, que não teria a a presença de Mother Brain, e que pra piorar a situação seria um FPS (tiro em primeira pessoa) que mas tarde foi modificado para FPA (aventura em primeira pessoa, em uma jogada de marketing genial da Nintendo para tentar diminuir a rejeição do título), aposto que agora a comparação do Old Boy com o maluco no pedaço não parece mais tão absurda. Qual não foi a surpresa quando o jogo foi lançado e se tornou o Jogo mais bem avaliado de sua geração, derrotando monstros sagrados como Metal Gear Solid 3, The Legend of Zelda Twilight Princess e Wind Waker, Super Mario Sunshine, Shadow of the Colossus, God of War, Halo, Ninja Gaiden e tantos outros.

Metroid Prime é um jogo que trata de uma visita de Samus Aran a um planeta desconhecido infectado pelo Phazon, uma substância radioativa altamente mutagênica que anda provocando mudanças graves no planeta Talon IV. Mas a história pouco importa, o importante é que Metroid mais uma vez trouxe inovações incríveis para a época. Para começo de conversa a criação de um jogo em primera pessoa que não fosse simplesmente um tiroteio já foi um avanço notável, algo semelhante ao que fez Half Life, mas em uma escala mil vezes maior.

Além disso todos os elementos que nos impressionaram no original estavam de volta, sem contar o fato de que a parte técnica do jogo estava impecável, com gráficos que na minha opinião só seriam superados por Twillight Princess e por Resident Evil 4 já no finalzinho da geração, direção de arte fora de série, músicas escolhidas e compostas pelo gênio Kenji Yamamoto fizeram desse jogo um dos melhores que já joguei em minha vida.

e de quebra ainda tem a melhor música de todos os tempos em uma fase de neve, que me dá uma paz imensa no meu coração.

Qual dos dois é melhor é uma questão puramente pessoal, já que ambos são impecáveis em suas características. Eu pessoalmente acho que Metroid Prime conseguiu um maior imersão no papel de Samus Aran, enquanto Super Metroid ajudou a definir a evolução dos videogames. Para os que não conseguem escolher como eu, existe ainda o jogo Metroid Other M que foi recentemente lançado para Nintendo Wii e que reune as qualidades dos dois.

Na próxima semana ou no meio dessa eu posto a parte final.

Frase do Dia:


"Como é o nome daquela roda com pregos?"

Morena mais bonita do mundo se referindo a "engrenagens"

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Original VS Sequência Parte 1

Bem, depois de anos sem postar devido a rotina bizarra que só a greve da UnB te proporciona (estou sem férias desde fevereiro, e tive três semanas de provas seguidas devido aos calendários não baterem por causa da geve.)

Então eu vim falar sobre um tema que sempre rende no PDS(bar da galere da UnB): O que que é melhor, o original ou a sequência? Eu poderia escrever sobre filmes, mas ficaria meio comum, além de meu conhecimento de filmes ser pra lá de limitado, não chegando nem perto do conhecimento da mestra. Então eu vou fazer sobre minha área de domínio: videogames.

Vou procurar comparar jogos de uma mesma séria para exemplificar três fatos que mudam muito um jogo: mudança de produtora, mudança de paradigma e mudança de gênero. O último não trata de um herói que era meninha e virou menininho ou vice e versa, mas de mudança de gênero de jogo como de Adventure para FPS (tiro em primeira pessoa) e sim, isso é uma dica de que jogo irei falar. O segundo tratará das grandes mudanças que ocorreram no mundo do videogame e de como isso afetou os grandes clássicos, sendo que irei tratar especificamente da mundança da era 2D para 3D.

E o primeiro de que irei falar hoje é o da mudança de produtora, que equivaleria ao autor sendo retirado do papel no meio de uma trilogia. E acredito que para esse ponto não existe jogo melhor para servir de exemplo do que um de uma certa arqueologista da terra da rainha, cuja história pode ser dividida em duas grandes eras: Era Core Design e Era Crystal Dynamics. Pra quem não sabe do que eu estou falando: vou colocar uma foto da provavél protagonista mais conhecida dos videogames.

Ainda não sabe quem é? Que tal essa

Se você ainda não reconheceu, te perguntarei se a caverna onde você estava era quentinha. Essa é Lara Croft, protagonista de Tomb Raider, que, nas palavras do criador da série, é um jogo sobre pirâmides e que com uma proposta tão simples definiu o mundo dos jogos 3D, juntamente com Mario 64, The Legend of Zelda: Ocarina of Time e mais tardiamente Grand Theft Auto 3 ou simplesmente GTA 3.

Mas para entender a comparação entre as duas eras, é importante antes ter uam noção histórica. Em 1996 era lançado o primeiro game com uma protagonista mulher que realmente parecia mulher, sendo que a outra era Samus Aran, protagonista de Metroid, que passava o jogo inteiro de armadura. Tomb Raider (Starring Lara Croft) foi então um sucesso instantâneo, contrariando as espectativas mais otimistas da própria Eidos (Editora). Ora, como um game com uma protagonista mulher, britânica, em terceira pessoa, com inimigos razoavelmente realistas e com vilões americanos ( e franceses, até parecia que uma equipe do Reino Unido ia perder essa oportunidade) poderia fazer sucesso em um mercado dominado pelos jogos com protagonistas homens, americanos, que carregavam armas futuristas matando alienígenas um mais feio que o outro enquanto faziam piadas sexistas e escatológicas para descontair ( Duke Nukem eterno demais)?

Bem a resposta foi ser diferente. Logo depois foi lançado Tomb Raider 2 (Dagger of Xian), o mais bem sucedido até hoje, e para muitos o melhor game da série na era Core, corrigia tudo o que a tecnologia e o tempo de produção não permitiram ser feito já no primeiro game. Tomb Raider 3 (The Adventures of Lara Croft) seria lançado pouco depois e pode ser entendido como um Tomb Raider 2, só que maior e com inimigos mais difíceis. De fato, na minha opinião, Os chefões mais difíceis da era Core estão nesse jogo, incluindo dois antológicos : O chefão final, que não vou dizer quem ou o que é para não dar spoiler e Sophia Leigh no final do estágio de Londres, que creio eu ser o primeiro chefe a não ser derrotado de maneira direta (o mais perto disso anteriormente foi o chefe final do 2, mas que já jogou vai entender a diferença.)

Finalmente temos Tomb Raider 4 (The Last Revelation), que na minha opinião é o Tomb Raider definitivo da Era Core, o ápice. Aqui estão reunidos os melhores elementos de todos os demais jogos da série em um jogo gigantesco (35 fases padrão Tomb Raider, que duram uns 30 minutos cada se você já for um veterano que totalizam 1050 minutos ou mais de 17 horas de jogo). Mas é exatamente nesse jogo que começa a morte de Lara Croft (literalmente) na era Core. Com Lara supostamente morta, é lançado Tomb Raider 5 (Chronicles) que conta algumas histórias anteriores da protagonista, na forma de narrações de amigos que foram ao seu enterro. Acredito que nesse game Tomb Raider regrediu um pouco, pois as fases pareciam incompletas, além de não ter a grandiosidade do anterior.

E então vieram as trevas para a Core, no jogo com o nome bastante apropriado de Angel of Darkness. Quem jogou percebeu que existiria uma grande evolução na série, inclusive parecendo cada vez mais com os jogos da era Crystal no decorrer das fases, mas infelizmente, devido a pressão constante em uma equipe pequena para o lançamento do jogo, ele acabou saindo bastante bugado e com fases iniciais que não se encaixavam nem com o restante do jogo nem com a série. Como já disse, o jogo de certa forma melhora bastante no decorrer das fases, mas a má primeira impressão foi demais pra Core. Tomb Raider então passa a ser desenvolvido pela Crystal Dynamics e muda totalmente, sofrendo uma Prince of Persianização tanto dos cenários como da personagem.

O primeiro jogo dessa nova era foi Legend, que deu um Reboot na série como Batman Begins deu em Batman, Lara agora é outra pessoa, com outro visual, com outras motivações, com outro inventário, sem poder carregar onze armas e munição ilimitada na sua mochila. Agora ela vai a procura de sua mãe perdida em uma história, que não sei se foi uma homenagem, mas é incrívelmente parecida com a do original, inclusive em suas reviravoltas. O sucessor desse jogo é o Tomb Raider Underworld, mas eu ainda não zerei esse devido a falta de tempo, mas que pelo demo que joguei não muda muita coisa da mecânica de jogo, apenas um poucos novos movimentos e uma nova mudança no visual de Lara, que deixou de ser a gostosona de Legend e Aniversary e virou uma mulher mais, hummm, atlética por assim dizer.

Mas o game importante para a nosa comparação é Anniversary, o remake de Tomb Raider. Como são jogos "iguais", fica mais fácil comparar e tentar entender por que uma parte dos Raiders prefere o original e a outra a sequência. Todo Tomb Raider tem, segundo minha análise, cinco elementos essenciais: Lara Croft, inimigos, cenário, conjunto, história.

Quesito Lara Croft

Esse quesito avalia como a Lara se comporta no jogo. No jogo da era Core, a Lara era mais dependente do jogador, ela não fazia nada se não fosse comandada. Se o jogador errase, lara morria e fim de papo. Claro que esse comportamento excluia a possibilidade de movimentos mais complexos e mais "finos", pois colocariam uma dificuldade elevada demais em um personagem relativamnte duro.

Já nos jogos da Era Crystal, esse comportamento foi corrigido, e Lara tem um estilo mais Prince of Persia, com movimentos acrobáticos e ajuda ao jogador. Por exemplo, se um determinado pulo exige que Lara se pendure, ela fará isso automaticamente, ao contrário do original em que o jogador deveria prever a dificuldade e segurar. Por outro lado se o local precisar de um salto curto, Lara automaticamente diminuirá a distância do salto, enquanto no original ela daria de cara na parede e cairia em um abismo sem fim.

UM FATO IMPORTANTE: uma grande mudança que se nota é que os Tomb Raider originais tinham um controle mais simpático para os usuário da combinação teclado e mouse, enquanto os da era Crystal são bastante complicados para os usuários dessa mesma combinação, talvez por a plataforma principal serem os consoles agora. Eu por exemplo tive que comprar um controle de Xbox 360 para o PC para poder ter uma experiência satisfatória, algo que deve ser levado em conta.

Nesse quesito pra mim a vitória é do Anniversary, pois fica claro que o original só não era assim devido as limitações da época.

Quesito inimigos

Nos jogos da era Core Lara se comportava mais no estilo rambo com os inimigos. Não raro você encontrava três ou quatro inimigos que já haviam sido chefões de fases anteriores em uma sala pequena. Em compensação os inimigos eram mais fáceis.

Já na era Crystal, os inimigos se tornaram mais inteligentes (mas nem tanto, subir escadas ainda é uma tarefa impossível para alguns) e mais difíceis de lidar, em compensação seu número diminui MUITO, sendo que em algumas fases onde se enfrentava 40 inimigos nos jogo da era Core, no remake se enfrentam 7, ou em salas onde você enfrentava centauros, no remake você enfrenta panteras. Apesar disso, acho que essa evolução no sistema de combates foi muito bem vinda.

Nesse quesito acredito que o resultado é empate, uma mistura entre os dois seria perfeita.

Quesito Cenários

O Tomb Raider original é conhecido como um dos jogos com melhor level design de todos os tempos, tudo se encaixa, os puzzles são ciativos, casam com a história, casam com o lugar onde estão colocados, casam com Lara Croft e suas habilidades. É um mundo grande e livre para ser explorado pelos Raiders.

Já o Anniversary é um jogo em que os cenários dão dica de onde você deve ir, e apesar desse ser o melhor jogo nesse quesito da Era Crystal, acredito que não consiga se igualar aos jogos da Era Core.

Vitória absoluta do Tomb Raider original.

Quesito Conjunto

Esse quesito é o quesito de como os três elementos anteriores se juntam para formar uma boa obra. O Tomb Raider original tinha um bom conjunto, como eu disse, tudo casava e tudo dava certo, sendo uma marco para a época.

Mas a competição com o Anniversary é desleal. Com os avanços dos jogos daquela época para os dias de hoje, o remake parece muito mais bem encaixado, não dá pra explicar, mas você sente isso no jogo. Você percebe que aquele elemento está ali por um motivo e não apenas por simples enfeite.

Nesse Quesito a vitória é do Anniversary.

Quesito História

O quesito história não é só relacionado a história do jogo, mas também a História do local onde lara está visitando, se o enrendo do jogo casa com as informações da lenda de que o jogo trata, a veracidade que o jogo passa em geral. E o Tomb Raider original foi um marco nesse sentido, tendo uma história simples, mas muito bem construída e sobre a qual o Anniversary foi construído.

Por isso nesse quesito a vitória vai para o Original

Resultado final
Original 2,5 X 2,5 Anniversary
No final, o que vai definir qual o melhor pra você é com qual jogo você se diverte mais, e pode ter certeza, os dois são bastante competentes em divertir os jogadores.

Frase do Dia:

"Quero fazer um jogo sobre pirâmides"

Toby Gard, criador da série

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Manifesto contra a banalização do celular

Ano de 1984

Imagine um novo aparelho revolucionário, um chip que seria implantado no braço de cada pessoa e com ele você poderia armazenar qualquer informação captada por seus olhos, comunicar instantaneamente com seus amigos, receber mensagens telepáticas e mais uma porrada de funções.

Maravilhados pelas promessas todos passam a comprar esses chips, que com o tempo passam a sair até de graça. Mas nem tudo são flores, para que eles funcionem, você deve comprar um determinado doce, que quando ingerido carrega o chip para que possa ser utilizado.

Com o tempo alguns poucos não possuem o chip, e são recriminados por aqueles que possuem com acusações discutíveis. Mas as pessoas com o chip estão surdas de tanto conversar e não conseguem ouvir o contraponto de seus argumentos, que demonstra o quanto o chip é dispensável e o quanto ele tornou pior as relações humanas. Podem capturar imagens mas estão cegas para enxergar seu comportamento quase nazista, mas afinal, quem precisa ouvir as minorias.

Dizem que um dia você pode bater o carro e precisar se comunicar com alguém. Ainda bem que não tenho o chip, que eleva em até quatro vezes o risco de acidente automobilístico. Aliás esse é o exemplo mais claro de como o uso indiscriminado do chip leva a mediocridade humana. E é exatamente isso que o diferencia da internet.

O chip, que eu acho uma ideia genial no princípio e uma aberração atualmente, restringe a liberdade pessoal, é mais um instrumento de estratificação, atrapalha os demais, causa risco social em seu uso desnecessário, é fruto do consumismo desenfreado, atrapalha as relações sociais.

Pra que chip se ele vive desligado, se você não pode usá-lo por falta de doce, se mesmo com os dois você não usa de qualquer maneira. Eu digo porque: apesar de ser inútil para 99% das pessoas que tem, elas gostam de ter a segurança de uma solução imediata, sem ter que pensar muito, algo que as salvem de sua própria incompetência de não se precaverem no caso de uma emergência, de não pesquisarem o caminho de modo a não passarem por lugares muito isolados no caminho.

Entendam, não estou dizendo que o chip é totalmente desnecessário. Se você tem, seja feliz e faça bom proveito. Mas não venha com acusações absurdas e argumentos cretinos para me importunar. Ligue pra alguém e vá conversar com ele sobre isso. Quem saiba um dia você não possa ligar pra mim, quem sabe quando eu for médico. No momento, o chip é totalmente irrelevante pra mim. O que é mais engraçado é que eu devo ser quem, de todos os que vão comentar, tem o contato com ele há mais tempo, lá no início da década de 90...

Mas só peço que reflitam sobre o seguinte:

Quantas vezes você precisou do chip de um modo que o problema não pudesse ser resolvido de outra forma?

Frase:
"A tecnologia existe para servir o homem, e não o contrário"
Não lembro

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Tá acabando o mês do futebol.

Bem galere ando meio sumido por que ando falando com um morena bonita demais que está de férias, mas já já eu volto para postar. Enquanto isso fiquem com a melhor comemoração de todos os tempos.


Frase do dia

"Fala Peixe."

Romário

sábado, 10 de julho de 2010

Vox Polypus, Vox Dei


Espero que ele acerte de novo, afinal a Holanda que além de ter jogadores mascarados vem garfando os adversários e não merece a vitória.

Frase do Dia:

"Meu chute é pior que de uma menina que chuta mal!"

Jovem da comunidade Futebol NOSTYLE

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Guia Invisible Happiness Quartas de Final.

Primeiramente, eu me irrito facilmente com torcedor que não manja de futebol, e o pior momento onde essas criaturas das trevas saem de suas cavernas é quando o Brasil perde. Eles vem com suas opiniões genéricas, a culpa é toda do Felipe Melo, Dunga Burro e etc. Então algumas dicas de comentários relevantes e de propostas para reflexão.

-Felipe Melo só influiu diretamente para o resultado quando foi expulso.
-Kaká não foi o melhor jogador de ataque do Brasil nessa copa. Muito menos o pé de foice chamado Luís Fabiano. O único que mostrou que é craque e merece o nome que tem foi o Robinho. E olha que o único jogador que eu defendo mais que o Kaká é o Ronaldo.
-Mas o Robinho não foi o melhor jogador do Brasil na copa, esse cargo cabe para o Juan.
-Nem Nilmar, nem o pé de foice, e muito menos o Grafite são atacantes dignos do Brasil. Poxa, quem viu Romário e viu Ronaldo no ataque não consegue se conformar com um cara que quando domina a bola ela foge dele.
-Daniel Alves deslocado não consegue jogar.

Segundo, galera, vou parar de fazer esses posts porque está prova que eu não entendo de futebol. Eu digo
que o Brasil é MUITO superior a Holanda, e o Brasil perde.

Mas não é por isso que eu não entendo nada, é porque o Brasil provou que é muito superior a Holanda. Mas muito mesmo, quase um Vasco e Madureira. Com 10 minutos de jogo o Brasil já tinha feito DOIS gols. Eu não me lembro de NENHUM chute a gol da Holanda no primeiro tempo, Estava tudo normal, Robinho destruindo a zaga alheia novamente, Kaká aparecendo de vez em nunca, a defesa anulando a Holanda, o Luís Fabiano fazendo o que de melhor ele sabe fazer, SER PERNA DE PAU, (tentando) dominar a bola e o resultado sendo digno de pelada. Enfim, mil maravilhas.

Aí o que acontece? O Mick Jagger aparece, e eu falo pro meu amigo de sacanagem: "Agora o Brasil vai perder, ó quem tá torcendo pra gente!" E não tem outra explicação. Esse jogo foi surreal, sequestraram o time do Brasil e colocaram sósias ruins de bola no lugar. Quer dizer, deixaram o Felipe Melo e o Luís Fabiano, que são ruins por natureza. E o que acontece? Júlio César falha. Porra, gol de pelada na melhor zaga do mundo? E não venham me falar que a culpa é do Felipe Melo, que ele não tem olhos nas costas.

E aí acontece o segundo gol. Uma bela jogada ensaida no treino secreto da Holanda né? Só tem um detalhe, tinha uma passarela na frente do campo, e todo mundo viu que a única coisa que a Holanda fez o treino inteiro foi bola no primeiro pau. Puta que Pariu, o pessoal do SporTv tava tratando o assunto como PIADA, dizendo que a dica pro Dunga era que o pessoal da Holanda só tinha feito essa jogada. Mas não é possível que o Brasil tenha tomado esse gol.

Sério o que aconteceu hoje é o equivalente a quando você deixa o time dos mais novos ganhar pra eles ficarem felizes, inacreditável.

Acho que os jogadores do Brasil leram meu post na metade do jogo e fizeram aquilo só pra me irritar.

E sabe o que é pior? Se a Argentina ganhar da Alemanha ela ganha a copa. Sabe o que é muito pior? Adivinha na copa de onde esse time vai estar no auge? E sabe o que é muito muito pior? Dos jogadores bons dessa copa, apenas o Robinho tem condições de jogar a próxima copa. E provavelmente ele vai ser meia até lá.

O prognóstico é sombrio, Já pensou a Argentina tetracampeã no Maracanã? Ou então a boa seleção alemã sendo Penta aqui na nossa terrinha? Precisamos de um milagre amigos. O Brasil tinha que ter ganhado essa copa.

Mas pelo menos tem um lado bom pra mim: Eu posso cornetar o Luís Fabiano por toda a eternidade.

Frase do dia:

"Felipe Melo não é bom em matemática, mas gosta de dividir sem deixar restos"

By Anônimo.

Brasil X Holanda

Diferente dos outros jogos das quartas, em que farei um análise tática de cada jogo, nesse jogo do Brasil não cabem palavras, porque cada vez que Brasil e Holanda se encontram em uma copa do mundo, rapaz...

Acho que o Brasil leva esse jogo, com 65% de chance de vitória e 35% de Derrota. Bom Jogo!

Frase do dia:

"Brasil é o cafageste e a Espanha o cara romântico"

André Rizek, manjando da arte da conquista.

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Guia Invisible Happiness para o torcedor de sofá

Você meu caro amigo, que não entede porra nenhuma de fussball, mas não aguenta mais ver que o assunto de todos é esse belo evento futebolístico e perceber que todo mundo dá risada quando você abre a boca para comentar o jogo?

Bem, é justamente para você que serve esse Guia. Como ele vai funcionar? Para cada fase da copa a partir das oitavas vou procurar fazer uma análise de cada jogo, buscando dar informações para que o senhor possa fazer comentários inteligentes na hora do jogo. Vou colocar as informações antes de cada jogo para que você possa só pensar naquela partida.

EspanhaXPortugal

X

Talvez o confronto mais esperado da copa depois de Alemanha e Inglaterra, esse daqui também tem seu resultado difícil de prever, principalmente devido a inconstância das duas seleções, que em uma partida jogam maravilhas e na outra despencam de produção.

A espanha começou mal a copa esbarrando no ferrolho suiço, perdendo de um a zero em uma gol com a trapalhada da zaga espanhola, que só não tomou outro gol porque o jogador suíço não conseguiu concluir para o gol depois de uma bela jogada.

A Fúria se recuperou no segundo jogo contra a fraca seleção de Honduras e ganhoupor dois a zero sem nenhuma dificuldade. Já no terceiro jogo ganhou do Chile em um jogo que a falha do zagueiro Bravo foi fundamental, e que quando levou o primeiro gol do Chile se desequilibrou e quase tomou o segundo gol da boa equipe sulamericana.

Fiquemos de olho em Puyol e Piqué, zaga da Espanha que gosta de dar um sustos de vez em quando, em em David Villa e Fernando Torres que podem decidir o jogo a qualquer momento para a equipe espanhola.

Portugal por sua vez não conseguiu sair do empate com o Brasil e Costa do Marfim, mas em compensação meteu sete gols na Coreia do Norte, em um jogo que até Liedson fez gol, inacreditável. De qualquer maneira portugal mostrou ter um forte esquema defensivo e que consegue sair rapidamente nos contra-ataques,mas não tem a qualidade necessária para conseguir concluir a gol levando perigo.

Fiquemos de olho em Cristiano Ronaldo, craque do time e quem cria as jogadas de maior perigo do time português.

Jogo de difícil previsão, mas aposto em uma vitória da Fúria, que tem 55% de chance de ocorrer contra 45% de chance da passagem do time Português.

RESULTADO DO JOGO
Espanha 1X0 Portugal

ParaguaiXJapão

X

Paraguai busca nesse jogo manter a boa campanha dos sulamericanos nessa copa, e tem tudo para realmente conseguir esse feito diante da disciplinada equipe japonesa.

A equipe paraguaia vem realizando uma boa campanha na copa, conseguindo se classificar como líder do seu grupo, principalmente devido ao fato de não tomar gols de lateral. Em seu grupo enfrentou a Itália e empatou em 1X1, com um empate buscado pelos italianos no finzinho do jogo e que só aconteceu porque o goleiro Villar falhou. Na segunda partida o Paraguai ganhou da Eslováquia com relativa facilidade, sem ser ameaçado e dominando o jogo do início ao fim.

Na terceira e última partida o Paraguai fez um empate em 0X0 com a Nova Zelândia em um jogo muito chato na melhor das hipóteses. Devemos ficar de olho em Riveros, meio de campo cerebral que sabe conduzir e passar a bola.

O Japão por sua vez vem sem grandes pretensões na copa fora de casa em que pela primeira vez se classificou para as oitavas. Tem uma equipe obediente taticamente e rápida, que geralmente se arma na defesa para sair no contra-ataque, além de aproveitar bem as bolas paradas, mas que peca pela falta de criatividade ao armar suas jogadas.

Essa tática de jogo funcionou bem contra Camarões e contra a Dinamarca, inclusive fazendo dois gols de falta nesse jogo, mas não funcionou contra a Holanda, parcialmente devido a falha do goleiro Kawashima em chute forte de Sneijder, e devido a ausência de criatividade da equipe não conseguiu buscar o resultado. Fiquemos de olho no brasileiro Túlio Tanaka, chefão da Zaga nipônica, e em Honda, que tem a tarefa de jogar isolado e fazer gols.

Aposto em um jogo truncado, mas com vitória do Paraguai, que tem 65% de chance de vitória enquanto o triunfo nipônico tem 35% de chance de ocorrer.

RESULTADO DO JOGO
Tempo Normal
Paraguai 0X0 Japão
Prorrogação
Paraguai 0X0 Japão
Pênaltis
Paraguai 5X3 Japão

Brasil X Chile

X

HAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAJA Coração torcedor brasileiro, agora começa a parte complicada da copa do mundo e o Brasil já começou bem, pegando uma chave mais tranquila do que as de Argentina, Alemanha, Inglaterra, Paraguai, Portugal e Espanha.

Brasil esse que jogou de três maneiras diferentes na fase de grupos. No primeiro jogo contra a Coreia do Norte, jogou em ritmo de treino durante todo jogo e mesmo assim evitou toda e qualquer jogada de pseudoperigo do time adversário, vencendo por 2X1 porque a defesa resolveu sair do jogo mais cedo.

Já no segundo jogo, com a possibilidade de se classificar antecipadamente, o Brasil jogou de maneira mais séria e com a ajuda de seu trio de criação ganhou de 3X1 da Costa do Marfim, com direito a volta de vez de Kaká e a dois gols de Luis Fabiano, com direito a um golaço, com não um,
mas DOIS toques de mão! Maradona teme! Pena que o juiz fez o favor de apitar MUITO mal e errar todos os lances possíveis e imagináveis, expulsando Kaká injustamente e deixando passar barato uma falta que torna Elano dúvida pra hoje, OITO DIAS DEPOIS! Mais uma vez a zaga do Brasil resolveu sair do jogo mais cedo.

Contra Portugal de Cristiano RRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRonaldoooooooooooo (Perigon!) o Brasil entrou com o time reserva praticamente, e quando todo mundo tava pensando se o Robinho ia armar e o Nilmar jogar na frente ou se o Júlio Batista ia entrar no lugar do Kaká, o Dunga poupa o Robinho pra enfrentar o Chile.

Deu no que deu, e o Brasil só não perdeu por sorte.

Fiquem de olho no Kaká, Robinho e Luis Fabiano que são os criadores do Brasil e de Lúcio e Juan, a melhor zaga da copa mas que não está sendo paga para jogar os noventa minutos.

O Chile vem pro jogo tentar um milagre tão grande quanto o México ter ganho da Argentina. Depois de terem feito uma excelente primeira fase com vitórias sem grandes dificuldades contra Honduras e Suíça, demonstrando todo o seu poder ofensivo, acabou perdendo para a Espanha em um jogo apertado e se classificando em segundo, sendo obrigada a enfrentar o Brasil.

Vem demonstrando um futebol alegre e mantendo a fama dos sulamericanos nessa copa, mas tem uma zaga titular fraca, e com toda ela suspensa, vocês já imaginam o nível da zaga reserva né? Fiquemos de olho em Bravo, goleirão que entregou um gol pra Espanha no último jogo e em Suazo e Beausejour, dupla de ataque chilena que parece ser tão perigosa quanto Zamorano e Salas.

Provavelmente teremos uma vitória sem susto dos Canarinhos com 80% de chance de continuarmos tendo pontos facultativos no serviço público e 20% de chance do Bielsa deixar de ser louco e virar gênio. Pra frente Brasil!

RESULTADO DO JOGO
Brasil 3X0 Chile

Holanda X Eslováquia

X

Bem amigos e inimigos da Rede Globo, é desse confronto que sai o adversário do Brasil nas quartas de final, muito provavelmente a Holanda.

Holanda essa que vem com um time que pouco difere do que já se tornou tradicional de seu país e que era revolucionário em 1974, mas não é tanto hoje. Um time rápido, que toca bem e sabe manter a bola em sua posse sem grandes dificuldades, esperando o momento certo de finalizar e fazer o gol.

E foi jogando dessa maneira que o time conquistou três vitórias na primeira fase e juntamente com a Argentina, é o único time que conseguiu 100% de aproveitamento na primeira fase, em parte devido ao seu fraquíssimo grupo. Ganhou por 2X0 da Dinamarca e de 1X0 do Japão em jogos com pouco brilho e se aproveitando das falhas dos adversários que acabaram por decidir o jogo. Ganhou também o terceiro jogo com Camarões em um jogo apertado, mas sem em nenhum momento complicado para o lado Laranja. Ainda precisa mostrar a que veio na copa do mundo.

Fiquemos de olho na parte ofensiva do esquete, com Sneijder, Van der Vaart, Kuyt e Van Persie, todos jogadores de muita qualidade com capacidade de definir o jogo em jogadas criativas e rápidas sempre com perigo de gol.

Já por parte da Eslováquia, que se classificou também por ter um grupo fraco, em que os integrantes conseguiam até tomar gol de lateral, vem para esa partida sem grandes pretensões, e por jogar igual uma porra loka, deve dar algum trabalho pra a Holanda.

Empatou o primeiro jogo com a fraquíssima Nova Zelândia, em um jogo chatíssimo em que os Eslovacos sairam na frente mas depois tomaram um gol no final da partida. Depois perderam para o líder do grupo Paraguai, que jogou um belo futebol e venceu sem dificuldades o time europeu, que sequer levou dificuldade a terra livre de imposto de importação. O último jogo (o único desses dois times que jogam hoje em que não sequer deu um cochiladinha) foi o emocionante jogo contra a Itália, que mandou os campeões do mundo de volta pra casa, decidido mais na péssima zaga italiana, que tomou um gol de lateral, do que no mérito do ataque da Repre( a FIFA não tinha um apelido pior).

Vamos ficar de olho em Vittek, promessa de gol por parte da Eslováquia.

Acredito em uma vitória sem dficuldades da Holanda, com 70% de vitória da Laranja Mecânica contra apenas 30% de chance de vitória da Eslováquia. Bom jogo e tentem não dormir...

RESULTADO DO JOGO
Holanda 2X1 Eslováquia

Argentina X México

X

Hoje entra em campo um das favoritas ao título, junto com a Alemanha, a Espanha e o Brasil. Não poderia estar falando de outra pessoa que nossos hermanos arrrrrrrrrrrrrrentinos, que ao contrário do que todo mundo pensa não depende única e exclusivamente de Messi.

Aliás, a Argentina é uma das poucas favoritas que vem demonstrando um futebol consistente desde o início. Após uma estréia onde o nervosismo do time ficou aparente nas diversas oportunidades de gol perdidas, acabou ganhando com um gol irregular em que Samuel fez falta no zagueiro nigeriano enquanto Heinze concluiu de peixinho para o gol. Até aí a bicampeã não convencia ninguém.

Mas no jogo seguinte, contra a Coréia do Sul, o time encantou. Em um jogo que parecia ser dividido em dois, a Argentina começou nervosa novamente e apesar de ter o total domínio do jogo, não conseguia deslanchar no placar, indo para o segundo tempo com um placar de magros 2X1, com o gol do adversário sendo marcado em uma falha bisonha da zaga. No segundo tempo os coreanos vieram atacar e levaram perigo até decidirem se retirar do jogo aos vinte minutos e abrir caminho para festa argentina e de Higuaín, atacante do Real Madrid que marcou três e saiu ovacionado pela torcida.

No último jogo, jogando com o time reserva e praticamente já classificada, a Argentina demonstrou a força de seu elenco ao ganhar sem dificuldades da campeã da eurocopa de 2004, Grécia, por 2X0, fora o baile, incluindo gol do já morto e ressucitado Palermo, aquele que perdeu três pênaltis em um jogo contra a Colômbia e que no jogo seguinte contra a gente foi solicitado a bater um pênalti pela torcida...do Brasil.

Fiquemos de olho em Demichelis, Otamendi, Burdisso e Heinze, a fraca zaga argentina que sempre pode dar alegrias aos adversários, Verón e Messi, chefões do meio campo, Tevez, jogador rápido e bom finalizador, e Higuaín, um dos artilheiro da copa.

México vem para tentar surpreender o mundo e provocar a maior zebra até agora desse mundial. Na estréia os mexicanos quase foram abafados pelos Bafana-Bafana, que dominaram o jogo inteiro e se não fosse a falha horrorosa da zaga sulafricana, dificilmente o ataque pouco objetivo dos visitantes conseguiria fazer o gol que garantiu o empate.

Logo após enfrentou o saco de pancadas oficial da copa, a França, que não é viagra mas levanta todo mundo e venceu sem dificuldades o franco plantel adversário por 2X0, fora o show de Rafa Márquez e Giovani dos Santos, derrota que ajudou a piorar a situação da delegação francesa. No último jogo, enfrentou Uruguai em boa fase e em um jogo equilibrado acabou sendo derrota devido ao belo gol de Suárez.

As figurinhas mais valiosas nas rodas de bafo são Giovani dos Santos, craque filho de brasileiro e que é a grande promessa para suceder Messi no Barcelona, Rafa Márquez, cérebro do time e grande finalizador de fora da área, Franco, Bom finalizador, especialmente de cabeça, e Hernández, atacante rápido e habilidoso que pode fazer a festa na defesa argentina.

Argentina vem como franca favorita para esse jogo e diria que são 80% de chance dela ganhar e apenas 20% de chance de um triunfo mexicano. Saca la pelota!
RESULTADO DO JOGO
Argentina 3X1 México

Inglaterra X Alemanha

X

Bem amigos, temos aqui o maior clássico das oitavas de final, Inglaterra e Alemanha, ambas favoritas antes do começo da copa, mas que não vem mostrando um futebol digno desse título na competição.

A Inglaterra surpreendeu nas eliminatórias européias por ter mundado seu velho estilo de jogo de sempre tentar chegar pelas laterais com cruzamentos para gols de cabeça, sendo que de vez em quando ela até tentava um chute de fora da área. Essa mudança vinha ocorrendo desde a entrada de Owen na seleção em 1998, mas acredito que ela se tornou completa nesse ciclo do futebol mundial.

Entretanto, com a lesão de um jogador fundamental, Rooney, e sua volta não tão boa para o time,
a Inglaterra perdeu um pouco de qualidade no último toque para chegar ao gol, algo que só recuperou satisfatoriamente no último jogo da fase de grupos contra a Eslováquia, quando venceu por 1X0. Nessa partida, apesar do placar magro, vimos Rooney, Gerrard e Lampard fazendo o que se espera deles em uma copa do mundo, tabelas, lançamentos, chutes e tudo mais que é tão comum em craques de seu calibre.

Muito diferente do segundo jogo contra a Argélia, que foi tão ruim que não sobrou nada para ser comentado, tirando a atuação sofrível de todo o time inglês, que saiu vaiado de campo pela sua própria torcida. Já no primeiro jogo tivemos um caso atípico, com a Inglaterra abrindo o jogo com gol de Gerrard no comecinho do primeiro tempo e tendo mais volume de jogo que os EUA durante toda a partida, mas entregando a partida em um frangasso de Green.

Fiquemos de olho no trio Rooney, Lampard e Gerrard, responsáveis pelas jogadas mais criativas do English Team, e Terry, zagueirão e xerife da defesa que gosta de aventuras com as mulheres de seus compaheiros de time, e em David "Calamidade" James, goleiro da Inglaterra conhecido por seus fragassos monstruosos.

A Alemanha por sua vez fez uma campanha inversa: começou muito bem no primeiro jogo e foi horrorosa nos outros dois. A seleção começou encantando o mundo com o 4X0 no primeiro jogo contra a Austrália, não pelo placar elástico, mas pelo toque de bola refinado, pela calma em conduzir o jogo e pela postura ofensiva do germânicos, principalmente pelo meio de campo comandado por Öziel, que aparentemente sofre de exoftalmia...

Já no segundo jogo contra a Sérvia, a derrota por 0X1 pode ser explicada por erros individuais e por uma apatia coletiva do time. Primeiro com a expulsão de Klose, que pode se tornar o maior artilheiro das copas do mundo, e depois com o pênalti perdido por Podolski, a Alemanha acabou não conseguindo reverter o placar, apesar de ter dominado o jogo inteiro. No último jogo a Alemanha enfrentou o bom time de Gana e teve uma atuação apagada, levando até uma certa pressão dos Estrelas Negras e só ganhou pelo talento individual de Özil, que acertou um belo chute de fora da área.

Devemos ficar de Olho no próprio Özil, que junto com Podolski e Schweinsteiger são o cérebro do meiocampo alemão, em Mertesacker, simplesmente porque não dá pra não notar o meliante em campo (vocês vão entender no jogo), em Neuer, bom goleiro alemão e em Klose, que tem chance de ultrapassar Ronaldo Fenômeno e se tornar o maior artilheiro da história das copas.

Esse é o tipo de jogo que chutar resultado é realmente um chute, então em fico com o polvo profeta(que acertou 4 de jogos da Alemanha na Eurocopa e 3 dos 3 nessa copa do mundo) e coloco 51% de chance pra Alemanha e 49% de chance para a Inglaterra. Bom jogo.

RESULTADO DO JOGO
Inglaterra 1X4 Alemanha

EUA X Gana

X

Talvez o jogo de mais difícil previsão das oitavas junto com o jogo da Alemanha e Inglaterra.

Comecemos por Gana. Gana já vem demonstrando desde a copa de 2006 ter um time tão forte quanto os do tempo de Abedi Pelé e vem se destacando com a atual potência do futebol Africano. Enquanto os outros times dependem de talentos individuas como Eto´o e Drogba, Gana segue a receita da Nigéria e apresenta um time sólido e com boa química. Entretanto Gana tem um falha terrível em sua Equipe. Ela defende razoavelmente bem, meio de campo sabe ligar a equipe, o goleiro é bom, mas o ataque não consegue finalizar tão bem assim, o que talvez explique a campanha do time.

O primeiro jogo citado deve ser o jogo da classificação, a derrota de 1X0 para a Alemanha. Gana jogou melhor o tempo inteiro, teve milhares de chances claras de gol, principalmente no segundo tempo, mas não conseguiu fazer o gol e levando um belo gol de Özil dependeu da vitória da Austrália para se classificar. A mesma análise pode ser repetida para o jogo contra a Austrália (1X1), com o agravante de jogar com um homem a mais durante 65 minutos. E pode parecer preguiça do blogueiro, mas o mesmo ocorreu na vitória contra Sérvia em que apesar de ter sido superior o tempo inteiro, só conseguiu marcar o gol devido a um pênalti absurdo em que o zagueiro colocou a mão na bola em um cruzamento sem perigo do Estrelas Negras.

Fiquemos de olho em Gyan, o artilheiro do time com dois gols de pênalti, e em Aywe, filho de Abedi Pelé e que vem demonstrando formar um dupla bem entrosada com Gyan.

Já pelo lado dos Ianques, atuais vice-campeões da Copa das Confederação eliminando a Espanha na semifinal e tomando a virada do Brasil quando saiu no primeiro tempo com a vitória de 2X0 parece estar vivendo nessa copa o que pode ser chamado de Síndrome do Fluminense Rebaixado, deixando para se salvar no último minuto.

Como assim Bial? No primeiro jogo enfrentou uma Inglaterra que, ao contrário de suas outras atuações na copa, jogou bem no primeiro jogo abrindo o placar com Gerrard logo no início do primeiro tempo em uma falha da defesa adversária. Depois disso o Estados Unidos partiram pra cima e, apesar de não estar conseguindo levar muito perigo diante da forte defesa inglesa, em um frangasso do goleiro Green depois de chute franco de Dempsey conseguiu o empate.

Tão legal que fizeram um dramatização em Lego


Já no segundo jogo o time começou perdendo por dois a zero para a Eslovênia, e quando inguém mais acreditava, os Cowboys vieram com uma pressão inacreditável no segundo tempo, fazendo dois gols, com direito ao goleiro da Eslovênia virando a cara em chute de Donovan, em lance digno de pelada (pelo menos não foi um gol de lateral, né moradores da bota?) e só não fez o terceiro porque o juiz apitou um legítimo perigo de gol no ataque estadounidense.

Já no jogo que decidiria a classificação, em um final digno de Hollywood, enquanto juiz apitava o final da partida e a derrota da Eslovênia para a Inglaterra, Donovan fazia um gol milagroso que levava os EUA da eliminação para o primeiro lugar do grupo. Inacreditável!

Fiquemos de olho em Donovan, um espécie de Pelé das terras do norte, Dempsey que é quem faz a bola rolar nomeio campo e chegar nos pés do Donovan e também em Altidore, eterna promessa do time estadounidense e que foi o artilheiro do time nas eliminatórias.

Não chuto o placar exato, mas pra mim são 60% de chance para os EUA e 40% para Gana. Deixemos os deuses do futebol agirem.

RESULTADO DO JOGO
tempo normal
EUA1X1Gana
Prorrogação
EUA0X1Gana
Com os dois jogando do mesmo jeito que jogaram a copa inteira!

Coréia do SulXUruguai
x

O jogo de abertura das oitavas de final promete ser um jogo bem equilibrado entre a obediência tática e a velocidade da Coréia contra a Garra e a Tradição uruguaia.

Coréia do Sul fez uma primeira fase boa considerando que caiu no grupo mais difícil da Copa, que ainda tinha a favoritíssima Argentina, que fez apresentações dignas de seu status inclusive goleando os diabos vermelhos por sonoros 4X1, com três gols do atacante do Real Madrid, Gonzalo. A Coréia do Sul ainda havia enfretando a Campeã da Eurocopa 2004, a Grécia, cuja a defesa intransponível naquela competição se demonstrou fraca na Copa, tomando gols bobos e perdendo por 2X0 (pelo menos não tomou gol de lateral digno de pelada, né Itália?).

Mas a Classíficação da Coréia foi decidida em um jogo fantástico com a Nigéria, sendo o time africano saiu na frente, sofreu a viradas dos asiáticos e depois empatou, mas esse não foi o destaque do jogo, o destaque foi o gol mais perdido da história das copas.

INACREDITÁVEL! Até o John fazia!

Devemos ficar de olho no jogador Park, de grande qualidade e cérebro do time. O time deverá vir
postado na defesa usando da velocidade de seus contra-ataques para tentar fazer o gol. Pode dar certo.

O Uruguai por sua vez encarnou o espírito sulamericano e se classificou sem grandes dificuldades no grupo dos donos da casa. O primeiro jogo foi contra a fraquíssima seleção da França, que provou mais um vez que dependeu de Platini e Zidane para ser um time de alguma história e fez papelão comparável a Copa de 2002, com a diferença de que dessa vez marcou um gol. Depois meteu três gols nos donos da casa, que ao contrário do primeiro jogo contra o México, jogaram de maneira apática mesmo com o apoio da torcida e suas vuvuzelas.

No último jogo, já virtualmente classificada, venceu o México e evitou o confronto com a temida Argentina. Devemos ficar de olho em Forlán, artilheiro e craque do time, que é o faz tudo da Celeste, cruza, toca, chuta, cabeceia e ainda passa a roupa do time. Outros destaques são Suarez, atacante veloz e habilidoso que pode definir a partida a qualquer momento e Lugano, Xerife da defesa e conhecido no Brasil por ser um zagueiro um tanto, hummmm, viril, na época em que jogava pelo São Paulo.

Creio o Uruguai ganha esse jogo, e decidirá contra os Estados Unidos quem será o adversário do Brasil na semifinal. Diria que é 70% de chance para os celestes e 30% para os diabos vermelhos e arrisco o placar de 2X1 para o Uruguai.

RESULTADO DO JOGO
Uruguai 2X1 Coréia do Sul

Frase do Dia:
"Jabulaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaani!"
Cid Moreira

domingo, 13 de junho de 2010

O problema da adaptação videogame-filme

Bem imaginem que fosse feito um filme sobre o livro Dom Casmurrro, por um estúdio que já fez filmes incríveis no passado e qe até hoje são referência no estilo de filme em que o livro se adaptaria melhor.

Até aí tudo bem, só que esse estúdio anda em franca decadência faz muito tempo, e eles escalam um diretor que criou o último arrasa quarteirão teen de que se tem notícia com o ator da moda para as meninas adolescentes.

E que existe uma grande possibilidade de que ele recorte toda a história de Dom Casmurro para transformá-lo em uma linda história de amor com Bentinho descbrindo que na verdade Capitu estava escolhendo o enxoval do bebê junto com Escobar e que eles acabassem vivendo felizes para sempre, ignorando totalmente a verdadeira genialidade da obra.

Já se revoltou? Pois bem, agora você sabe como eu me sinto quando assiti Prince of Persia, ou Príncipe da Persia, em uma tradução que não levou em consideração o verdadeiro sentido do título. Não me levem a mal, é um filme muito divertido, do nível da outra obra do diretor (Piratas do Caribe), aliás, é quase um Piratas do Caribe sem mar, mas ele só agrada a quem não conhece a triologia Sands of Time do Videogame.

Mas ao contrário de Max Payne, o diretor tem uma desculpa que eu aceito plenamente: Não dá pra fazer o assunto principal de Prince of Persia, a morte e inevitabilidade do destino, comercial. Do mesmo modo que só dá pra fazer de Dom Casmurro no máximo um filme de sucesso no circuito cult e nunca um blockbuster.

Desse modo Prince of Persia acaba virando um bom filme de ação com um romance hollywoodiano. Uma pena.

Já no original, e já deixo aqui o aviso de spoiler, ou seja, de que vou contar parte da história, temos um príncipe que não é príncipe, e sim filho do general do exército da Pérsia, que descobre
um tesouro inestimável quando invade uma cidade sagrada, a adaga do tempo. Entretanto, sob a má influência dos boyzinhos da cidade ele abre a ampulheta do tempo, liberando as areias, que nada tem a ver com deuses e essas bobagens, mas são um artefato maldito que contamina e destrói o palácio real, matando todos os amigos do Príncipe, que nunca diz seu nome.

Para evitar essa tragédia e mudar seu destino o príncipe volta no tempo e evita que as areias do tempo sejam abertas. Fim da história? Não, aí que a genialidade da Triologia começa a aparecer. Ao usar a adaga pela primeira vez, o Príncipe desperta uma entidade destinada a destruir todos aqueles que ousaram pertubar a linha do tempo. E adivinha quem vai ter que morrer?

Desesperado, o príncipe viaja até a ilha do tempo para evitar que as areias do tempo sejam criadas, e lá ele descobre que a imperatriz do tempo que criou as areias há muito tempo atrás, e o príncipe decide que deverá matar a imperatriz. Só que a imperatriz também não quer morrer, e para isso deverá matar o príncipe. Mas o que o príncipe não sabe é que nada pode mudar seu destino.

Ignorando esse aviso o príncipe mata a imperatriz, evento esse que cria as areias do tempo. E como evitar agora que as areias do tempo sejam criadas? Fácil, o príncipe deve matar ele mesmo para evitar matar a imperatriz. Mas assim como o príncipe a imperatriz não pode mudar seu destino, ela vai morrer. E assim como em premonição e efeito borboleta, cada ação do príncipe só cria uma nova oportunidade da morte agir. Mas ao contrário de efeito borboleta e premonição, a história é bem encaixada e nada forçada em Prince of Persia.

Se você achou a história desse jogo interessante, tente jogar A saga Soul Reaver/Blood Omen, que tratam da mesma temática, mas em um mundo em que os vampiros reinam. Genial.

Dois videozinhos

Profecia da Morte do Príncipe

Início da reviravolta em Soul Reaver


Frase do dia

"You cannot change your fate, you are going to die!"

Blind Prophet

quarta-feira, 2 de junho de 2010

O amor não tira férias

Bem galere, eu tenho uma boa e uma má notícia.

A primeira é que eu irei viajar e portanto não poderei postar até o fim do feriado, aliás, eu tenho postado pouco ultimamente,mas é que estou tão ansioso por causa dessa viagem que não tenho pensado em outras coisa. Depois do feriado eu volto ao ritmo normal.

A outra notícia é pra onde eu vou viajar. Vou pra SãoPaulo. Liguem os pontos ^^

Qual é a boa e qual a ruim vocês decidem.

Frase do dia:

"Por isso eu vou pra casa dela aiai
falar do meu amor pra ela."

Grande forró nordestino.

sábado, 22 de maio de 2010

Terapia antiestresse

Sabe aqueles dias em que você está de mau com a vida, querendo matar todo mundo, puto com aquele professor sem noção que acha que só existe a matéria dele na sua vida, com a UnB que conseguiu definir o pior calendário do universo conhecido e acabou com suas férias.

Puto com aquele motorista de ônibus que desconhece o conceito de civilidade no trânsito e te fecha em todos os momentos em que tem oportunidade, com as pessoas que descohecem o conceito de faixa de desaceleração e de aceleração e entram/saem da via de 80km/h a 2,5km/h atrapalhando todo o trânsito e gerando acidentes.

Nervoso com aquelas pessoas que ficam na faixa da esquerda andando na velocidade de 3,75 km/h e sem ter noção de que essa faixa é destinada a ultrapassagem e portanto a desculpa de que estava na velocidade da via é irrelevante.

Puto com o seu time mercenário que esqueceu que são pagos para jogar e não para desfilar em campo enquanto o adversário constrói a vitória. Cansado do juiz com anopsia que não marca falta nenhuma para seu time enquanto ajuda brutalmente o time adversário.

Então meu querido, se você sente tudo isso e muito mais, eu tenho a solução. Tudo o que você tem que falar é:

RELEASE THE KRAKEN!

Isso mesmo, libere o deus grego que existe em você, vire quatro manas normais e duas de ilha e invoque o Kraken (7/4, atropelar, ímpeto, voar, vire e cause 20 pontos de dano no adversário) e imagine a pessoa que te fez passar raiva ser destruída pelo monstro marinho que já foi chefão até no Tomb Raider e fez uma ponta em Piratas do Caribe.

E então caro leitor, quem é o alvo do ataque do seu Kraken???

Frase do Dia:

"RELEASE THE KRAKEN!"

by Zeus! (Não era Poseidon que controlava LOLWAT?)

quarta-feira, 12 de maio de 2010

New Musics for Blue Stripes

Novas músicas para nossa banda pseudoreal chamada blue stripes, dedicada ao mais puro som nerd de ensino médio e superior, pra quem não conhece, aqui está alguns posts com letras.

"Fico assim sem PC", "Cu Doce", "Fundamentos", "Nerd Drama", "Imbolado da menina (que se acha) mal-amada". Ainda tem as canções que eu criei sem o conhecimento do restante da pseudo-banda, quase todas trash e com piadas internas com uma certa morena. Mas enfim, vamos as novas.

A primeira é sobre a mudança de pensamento que quase todo estudante de medicina enfrenta, a segunda é sobre o desespero de um nerd para conseguir seu primeiro beijo e a última é sobre a história de fracassos de relacionamento de um nerd, que geralmente se apaixona por uma série de esteriótipos de garotas. Eu pulei alguns. E só por precaução, NÃO É INDIRETA PRA NINGUÉM=p

Recado para o vestibulando de Medicina ("Velha Infância - Tribalistas" Nerd´s Version)

Medicina é assim
um sonho pra ti
pra mim um pesadelo
penso se vou poder
dormir no apê
eu nunca me deito

eu gosto de atender
e gosto também de prescever
mas depois fica tão repetitivo
só aguenta quem vive só

E a gente estuda
E a gente estuda
E a gente não se cansa

de ajudar
desde a idosa
até a criança

Nos olhos um clarão
na cabeça passou um furacão
eu fico confuso com isso
como fui gostar desse mundo-cão

Medicina é assim
um sonho pra mim
sem ela eu não me vejo

Lembro da UC
Do AVC
dos ligamentos do joelho

eu gosto de atender
e gosto também de prescever
e eu nunca me canso disso
só quem não gosta é quem nunca tentou

E a gente estuda
E a gente estuda
E a gente não se cansa

de ajudar
desde a idosa
até a criança

Nos olhos um clarão
na cabeça passou um furacão
eu fico confuso com isso
como fui gostar desse mundo-cão

Medicina é assim
um sonho pra mim
sem ela eu não me vejo

Não sei namorar ("Já sei Namorar - Tribalistas" Nerd´s Version)

Não sei namorar
Ainda sou bv
Agora, só me resta sonhar
Não sei o que fazer
E só mesmo no Tibia
Que uma namorada eu posso ter

Não tenho paciência
pra baile funk não
Não vou na micareta
segurar o cordão
Não sou de ninguém
Chego em todo mundo
E todo mundo me tem desdém ( 2X)

Não sei namorar
Não conheço pegadores
Mas de quem conselhos eu irei pegar
Não sei nem sorrir
Mostre seus pokemons
É o conselho que recebi

Não sou muito chegado
em pagode não
Eu não sou audiência
para arrasa-quarteirão
Não sou de ninguém
Chego em todo mundo
E todo mundo me tem desdém ( 2X)


Eu sou bv como ninguém
Só perco ele se Deus quiser
Quero peder como eu quero
Ela pode ter até frieira no pé


O Nerd ("O Rato - Palavra Cantada" Nerd´s Version)

Todo nerd parece tonto
Todo nerd não tem trejeitos
Todo nerd curte games, interwebs
Todo nerd curte tibia
Todo nerd rula em tetris
Todo nerd assusta a gente
Todo nerd não tem bandos
São os nerd, são os nerds
São os nerds nerdeando

Mas sempre tem um
Que é carente
Tem sempre um
Que até quer ser contente
Esse nerd que aqui se mostra
de uma garota ele gosta
É um nerd que em vez de jogar
World of Warcraft e ver mulher nua
Prefere mil vezes um beijo
Um beijo da sua musa

Patty convencida
que pisa e humilha
Declaro ser o seu mais lindo amante
Com você eu quero me casar
Fazer da balada o nosso altar

Nerd, meu pretensioso nerd
Eu sou muita areia pro seu saco
Pra selar este contrato
Na escola sou rainha
Fico sempre por um triz
Namorando gente feia
Eu não posso ser feliz
Eu sou mais o liferuler
É quem me fará feliz

Garota alternativa
Que ouve Belle & Sebastian
Declaro ser o seu mais lindo amante
Com você eu quero me casar
Fazer do palco indie o nosso altar

Nerd, meu inculto nerd
Eu não vou para esse palco
Pra selar este contrato
Meu gosto é tão instável
Fico sempre por um triz
Namorar alguém sem pegada
Não me fará feliz
Prefiro o alternativo
Ele me fará feliz

Garota Pirigute
Que pega e que esquece
Declaro ser o seu mais lindo amante
Com você eu quero me casar
Fazer do baile funk o nosso altar

Nerd, esquecível Nerd
Eu não sou assim uma pela-saco
Pra selar este contrato
Mesmo te pegando forte
Não consegui me interessar
Só ficando com um homem
Não consigo não sofrer
Preciso da torcida do Flamengo
Para me satisfazer

Garota interesseira, que fala que eu te deixo contente
Mas que gosta mesmo é da minha conta corrente
Declaro ser o seu mais lindo amante
Com você eu quero me casar
Fazer da minha mansão o nosso altar

Nerd, meu enriquecido nerd
Posso não ser assim de fino trato
Pra selar este contrato
Eu sou uma bela golpista
Não foi difícil te enganar
Mesmo sendo bem de vida
Outro mais rico pude achar
Ele sim, o milionário
E com quem vou me casar

Mulher da minha vida, que não convencida
não é interesseira e não é vadia
Declaro ser o seu mais lindo amante
Com você eu quero me casar
Fazer do mundo o nosso altar

Nerd, meu querido nerd
Eu que sou assim de fino trato
Pra selar este contrato
O meu instinto é tão certeiro
Com você vou ser feliz
Mesmo não sendo perfeita
Eu sou a mulher eleita
Fico toda aqui sem jeito
Esperando um grande beijo.

Frase do dia:

"UnB
mas que miséria
entrou de greve
pra fuder com minhas férias!"

Aluno Revoltado.